Tudo o que você precisa saber sobre as trilhas de Ilhabela

27
janeiro, 2020
Dicas
1395
visualizações
Ampliar
14
Ampliar!
Imprimir!
Opções do post

Já pensou em se aventurar pelo mundo do ecoturismo e ter mais contato com a natureza? Ilhabela é um paraíso cheio de trilhas, cachoeiras e praias isoladas, venha descobrir!

Colaboraram PH Off Trips e Da.Ma.Ta Ecoturismo

Ilhabela é uma das maiores ilha do Brasil. O que poucos sabem é que o arquipélago (que é formado por 14 ilhas ou ilhotes, e não uma só ilha), leva o primeiro lugar no ranking das ilhas que mais possuem cachoeiras no Brasil, totalizando 38 catalogadas – e há quem diga que são muito mais. Isso sem falar das praias, 73 no total, sendo cerca de 40 praias mais conhecidas, e mais de 10 montanhas com altitude superior a 1.000 metros, um paraíso para quem curte trekking, montanhismo ou simplesmente estar em contato com a natureza.

Praia de Castelhanos (Imagem: Marco Yamin)

Praia de Castelhanos (Imagem: Marco Yamin)

Quer saber mais sobre esse maravilhoso mundo das trilhas de Ilhabela? Vem com a gente!

Conheça os principais atrativos naturais para Ilhabela

Ilhabela é o paraíso para os apaixonados por atividades em meio à natureza. Nosso município arquipélago possui cerca de 84% de seu território em área de Mata Atlântica preservada pelo Parque Estadual de Ilhabela. Essa enorme área verde é cheia de lindas árvores como Jequitibás, Figueiras e Sapopembas, além de uma diversidade imensa de espécies de aves que atraem muitos birdwatchers (observadores de aves), incluindo Tucanos, Pica-Pau, Macuco, Jacutinga, Papagaios e também um roedor muito simpático, o Cururá, que é endêmico de Ilhabela, ou seja, só existe aqui!

Tucano de Bico Verde - Birdwatching (foto: Secretaria de Turismo de Ilhabela)

Tucano de Bico Verde – Birdwatching (Foto: Secretaria de Turismo de Ilhabela)

Entre os principais atrativos naturais de Ilhabela estão o Pico do Baepi, com 1.048 metros de altitude e uma vista espetacular do topo, e algumas cachoeiras como a do Veloso, Paquetá (aquela famosa com borda infinita e vista para o mar), Gato e Trilha da Água Branca, com 5 poços diferentes.

Cachoeira do Paquetá - Cachoeira com borda infinita e vista para o mar (foto: DaMaTa Ecoturismo)

Cachoeira do Paquetá (Foto: DaMaTa Ecoturismo)

Tudo o que você precisa saber sobre as trilhas de Ilhabela (Foto: Da.Ma.Ta. Ecoturismo)

Ilhabela Secret Points

Que tal conhecer alguns lugares secretos ou pouco frequentado pelos turistas? É só clicar aqui e ler essa outra matéria.
CLIQUE AQUI!

E pra fugir das praias mais urbanizadas da ilha, que tal encarar uma trilha até uma praia mais isolada e selvagem? Entre as imperdíveis, destacamos Bonete, Enchovas e Indaiaúba, no extremo sul da ilha, além de Vermelha, Mansa e Castelhanos, que ficam do lado Leste, uma ao lado da outra. Castelhanos é a única onde é possível chegar de veículo 4×4, mas é também uma ótima pedida para ciclistas, que utilizam da estrada de terra do Parque Estadual para praticarem mountain bike.

Lá na região de Castelhanos, também é possível viver a experiência de um Turismo de Base Comunitária, onde você poderá incluir em seu roteiro algumas experiências junto às comunidades tradicionais que vivem da pesca e agricultura. Imagine visitar um cerco de pesca junto com os pescadores locais, ou ouvir histórias em uma roda de conversa com os caiçaras mais antigos. E pra completar, um almoço com o sabor local e o peixe mais fresco que você vai provar na vida.

Turismo de Base Comunitária valoriza contato com comunidade caiçara em Castelhanos

Tem ainda uma novidade no turismo da ilha, que é o Roteiro Histórico, que mistura história e natureza, passando por locais como a Fazenda do Engenho D’Água e Cachoeira da Toca, antigos engenhos de cana de açúcar de Ilhabela. No Engenho da Toca, é possível conhecer lindas cachoeiras com tobogã e ducha natural, além de visitar a produção artesanal de cachaça do início do século XX, dá até pra degustar algumas receitas exclusivas.

Qual é a melhor época para fazer trilhas em Ilhabela

Se o pico de turistas em Ilhabela acontece no verão, a melhor época pra fazer trilhas é justamente fora dele. A baixa temporada, entre os meses de abril a novembro, sem sombra de dúvidas é a melhor época para se fazer trilha em Ilhabela.

7 motivos para viajar pra Ilhabela no Outono - Pôr do Sol no Bonete - Ilhabela.com.br

Pôr do Sol na Praia do Bonete em Ilhabela

Além de todos os atrativos naturais estarem mais vazios, a temperatura é mais baixa, tornando a caminhada pelas trilhas menos exaustiva. Essa época também foge das grandes chuvas dos finais de tarde do verão, tornando as trilhas mais seguras e agradáveis.

Outra vantagem desse período é conseguir melhores preços e mais opções disponíveis na rede hoteleira. Bom né? A gente já falou sobre as vantagens de vir pra Ilhabela no Outono, clique aqui pra ler. No inverno e primavera, as trilhas são uma boa pedida também!

Dicas de segurança e cuidados ao fazer trilhas

Para que você faça uma trilha mais segura e agradável, consultamos dois profissionais da área, o Pedro Henrique, da PH.Off.Trips, que é presidente da Associação dos Guias e Monitores de Ecoturismo de Ilhabela, e o Danilo Taino, proprietário da agência Da.Ma.Ta Ecoturismo, especializada em turismo de aventura em Ilhabela. Veja as dicas!

Dicas de segurança em trilhas - Da.Ma.Ta. Ecoturismo em Ilhabela

Foto: Da.Ma.Ta. Ecoturismo

  • Se você não possui muita experiência em caminhar por locais com o relevo acidentado, com pedras escorregadias, buracos e, possivelmente, lama, sempre faça trilhas acompanhado, seja de um guia ou de amigos mais experientes.
  • Sempre, antes de iniciar uma trilha ou sair para o mar de barco, avise alguém aonde você está indo e quanto tempo pretende ficar.
  • Nas trilhas na mata, preste muita atenção onde pisa e coloca as mãos. A maioria dos acidentes com animais peçonhentos ocorrem por pequenas distrações pelo caminho.
  • Utilize o calçado correto. Jamais faça uma trilha se chinelo ou descalço, por mais curta e aberta que seja. O ideal é utilizar botas específicas para trilha, mas se você não tiver, um tênis confortável irá servir.
  • Em trilhas mais fechadas, utilize sempre perneira de proteção contra mordida de cobras e outros animais peçonhentos.
  • Alguns outros itens são recomendados para trilhas mais longas ou íngremes, como bastão de caminhada, que pode ajudar em trechos mais cansativos.

O que levar na mochila de trekking ou montanhismo

Além dos cuidados acima, é importante ter na mochila alguns itens que vão te oferecer mais segurança e garantir que não terá problemas como desidratação, entre outros. Veja o que levar na sua mochila de trilha.

O que levar na mochila de trekking ou trilha em Ilhabela (Foto: Da.Ma.Ta. Ecoturismo)

Foto: Da.Ma.Ta. Ecoturismo

  • Leve uma boa quantidade de água, seja em cantil ou camelback (aquelas mochilas de hidratação). Você pode precisar reabastecer em algum lugar no meio da trilha, uma boa opção para purificar essa água é levar Hidrosteril ou Clorin. É importante verificar se a trilha terá pontos de abastecimento de água no caminho (a trilha do Pico do Baepi, por exemplo, não tem, é preciso levar mais água).
  • Alimentos como sanduíches leves, barras de cereais ou proteína e frutas são ótimas pedidas. Existem também os chamados alimentos liofilizados, que são alimentos desidratados muito utilizados em esportes de aventura ou ao ar livre, como escaladas e trekking, normalmente não ocupam muito volume e ajudam a repor as energias.
  • Use roupas leves, mas não abra mão de um casaco impermeável, afinal, ficar molhado durante o caminho não é a sensação mais agradável.
  • Boné, óculos escuros e protetor solar, especialmente em trilhas mais abertas e dias mais quentes, lembrando que o mormaço também queima, não somente o sol.
  • Repelente é sempre um item indispensável na mata e em cachoeiras, em Ilhabela não é diferente. Temos algumas dicas sobre o assunto nessa matéria aqui.
  • Para trilhas mais longas, é recomendado levar uma troca de roupa seca para cada dia de trilha. Se estiver frio, aposte em luvas e gorro.
  • Papel higiênico e lenço umedecido pra aquele momento de emergência (rs).
  • Sacos de lixo, afinal, é importante lembrar de jamais dispensar resíduos (recicláveis ou orgânicos) na natureza.
  • Kit básico primeiros socorros.
  • Outros itens específicos podem ser necessários de acordo com o tipo de atividade, horário ou duração da trilha, como lanterna, canivete ou facão. Um apito pode ser útil em caso de emergências.

Porque contratar um guia ou agência para fazer uma trilha em Ilhabela

Por mais preparado que você e sua turma sejam, se você está fazendo uma trilha em um local novo pela primeira vez, pode ser interessante contratar um guia ou uma agência local. Geralmente, os guias conhecem os atrativos naturais e também os locais mais arriscados de cada um deles.

Porque contratar um guia ou agência para fazer uma trilha em Ilhabela (foto: PH.Off.Trips)

Foto: PH.Off.Trips

Além de garantir a segurança dos visitantes, eles proporcionam uma experiência completamente diferente. Em um tour guiado em Ilhabela, você receberá mais informações sobre toda a história, cultura local, fauna e flora do arquipélago, além de curiosidades e as lendas locais. Interessante, né?

O guia também vai ajudar a criar a conscientização nos visitantes, conduzindo o grupo com respeito e silencio dentro das vilas caiçaras, por exemplo. É uma forma de fazer uma trilha em segurança e deixar que a natureza faça o resto.

Tudo o que você precisa saber sobre as trilhas de Ilhabela (Foto: Da.Ma.Ta. Ecoturismo)

5 Trilhas para iniciantes em Ilhabela

Se você quer ingressar nesse mundo de aventuras ao ar livre e explorar a natureza de Ilhabela, veja algumas trilhas de nível fácil a intermediário pra fazer sem a necessidade de um guia.
CLIQUE AQUI!

Nenhum comentário até o momento.

Seja o primeiro a comentar.

Responda

aqui da pra colocar mais informações