Redes sociais

Alt da imagem

Ilhabela, a Capital da Vela

Veleiros na Ponta das Canas - Ilhabela (foto: Fernando Tomanik)

Ilhabela, a Capital da Vela

Conhecida como a Capital da Vela pela excelência das condições de vento e mar do canal de São Sebastião, Ilhabela tem sido cenário de diversas competições que ocorrem durante o ano inteiro e trazem velejadores de todo o Brasil e de diversas partes do mundo. O município tem clubes náuticos, clubes e escolas de vela que oferecem todo tipo de serviço náutico; desde aulas e aluguel de embarcações até suporte para eventos de porte como a Semana de Vela de Ilhabela, a mais importante da América Latina.

O sistema de ventos e correntes, existentes no canal que separa o arquipélago do continente, transformou o local em verdadeira raia de competições de vela e esportes náuticos. As “raias” para as velejadas variam de acordo com a direção do vento. Quando venta leste, a Ponta das Canas vira um dos melhores lugares do Brasil para a prática de windsurfe e kitesurfe. O visual de suas velas coloridas, cada vez em maior número, é um cenário que vale a pena ser apreciado. Quando venta sul, os velejadores praticam o esporte em toda a extensão do canal. Os melhores locais para a prática da vela são ao largo da Ponta das Canas, da praia da Armação, da praia do Pinto, da Ponta Azeda, da praia do Engenho D água e da praia do Perequê.

Além do Grêmio de Vela, que reúne os velejadores da cidade, a prefeitura mantém uma escola de vela municipal, o Projeto Navegar, que inicia os interessados neste esporte no arquipélago.

A prática de windsurfe fez surgir uma sede da categoria na Ponta das Canas. Nos últimos quatro anos o kitesurfe tem sido a modalidade que mais tem crescido em número de praticantes.

Escreva um comentário

Cadastrar

Você não tem permissão para se registrar
X