Como curtir Ilhabela mesmo com chuva

04
outubro, 2016
Dicas
1590
visualizações
Ampliar
14
Ampliar!
Imprimir!
Opções do post

Em dia de chuva, não precisa se molhar… nem na praia. Confira algumas alternativas divertidas na ilha pra quando o sol resolver não dar o ar da graça. Curta Ilhabela com chuva.

Por Alessandra Stefani

O tão sonhado feriadão em Ilhabela chegou e, quando você abre a janela do hotel, só vê o céu cinza e a chuva caindo lá fora. Não era bem o cenário ideal que tinha em mente, né? Mas como lamentar não vai fazer São Pedro mudar de ideia, o melhor é fazer de um limão uma limonada e aproveitar a ilha de um outro jeito. Sim, é possível se divertir aqui mesmo com o tempo fechado.

Ilhabela em dia de chuva (foto: wikimedia-commons_kathryn-elizabeth-loba-collins)

Ilhabela em dia de chuva (foto: Imagem: Wikimedia Commons/Kathryn elizabeth loba collins)

Separamos algumas opções do que fazer em Ilhabela em dias chuvosos. Relaxar, conhecer mais sobre a história da ilha, fazer compras e experimentar nossa gastronomia estão entre elas. Você vai ver que praia e chuva não são uma combinação tão ruim assim.

Em vez de banho de mar… Tome um banho numa piscina aquecida

DPNY Beach Hotel & SPA - Praia do Curral - Ilhabela (divulgação)

DPNY Beach Hotel & SPA – Praia do Curral – Ilhabela (divulgação)

O DPNY Beach Hotel & Spa oferece o Day Card para quem não está hospedado lá. É um passaporte de um dia pra curtir a estrutura de um hotel premiado e relaxar em grande estilo. No pacote, sauna finlandesa, banho a vapor com cromoterapia, jacuzzi, piscina interna aquecida e serviço de spa que é um luxo só. Claro que se o tempo abrir, ainda dá pra dar um pulinho na piscina externa e ficar à toa nos sofás e espreguiçadeiras à beira-mar na Praia do Curral. O passaporte duplo sai por R$300,00.

Se não der pra dar braçadas no oceano… Bata perna na Vila

Vila em Ilhabela em dia nublado (foto: wikimedia-commons_rodrigo-lehsten)

Vila em Ilhabela em dia nublado (Imagem: Wikimedia Commons/RODRIGO LEHSTEN)

O Centro Histórico de Ilhabela, conhecido como Vila, é uma volta no tempo. Com construções dos séculos passados, é um cantinho charmoso, debaixo de sol ou de chuva. Observar o burburinho das pessoas passando já é um programa. Lojas de grife e outras especializadas em artesanato são a perdição pra quem quer fugir do mau tempo fazendo compras. Pra quem está a fim de conhecer um pouco mais da ilha, a Secretaria da Cultura, que fica na Rua do Meio, vira e mexe abre as portas para exposições de arte. A entrada é gratuita.

Descubra um tesouro… atrás das grades da antiga cadeia

Centro de Exposição do Parque Estadual de Ilhabela (Imagem: Arquivo Pessoal/Alessandra Stefani)

Centro de Exposição do Parque Estadual de Ilhabela (Imagem: Arquivo Pessoal/Alessandra Stefani)

Já reparou naquele prédio antigo na Vila, superpreservado, perto da Igreja e ao lado da escultura do Cristo Crucificado? Os mais atentos devem ter visto que na fachada está escrito “Cadeia e Fórum”. Isso é o que ele já foi um dia. Hoje, o espaço se transformou na porta de entrada pra quem quer conhecer o Parque Estadual Ilhabela. Ao todo, são 5 salas temáticas onde rola uma exposição com fotos, vídeos e peças sobre essa área verde gigantesca do parque. E não é qualquer sala, não. As exposições do Centro de Visitantes e a sede do parque ficam dentro das celas onde já ficaram presos de Ilhabela. Até a grade na janela e a porta do xilindró ainda estão lá. Para essa cadeia, você vai querer voltar. Saiba mais nesse post aqui.

Em vez de mergulhar no mar… Mergulhe na história

Principe de Asturias - Museu Nautico de Ilhabela

Príncipe de Astúrias – Museu Náutico de Ilhabela (Imagem: Arquivo Pessoal/Alessandra Stefani)

Se o tempo não estiver bom, busque abrigo no Museu Náutico, que fica no bairro da Água Branca. Ele mostra a história de como fortes temporais e bússolas desorientadas pelo campo magnético criado pelas pedras de magnetita da ilha fizeram dezenas de barcos afundarem neste lugar conhecido como o Triângulo das Bermudas do país. Destaque para as peças e réplica do Príncipe de Astúrias, o famoso Titanic brasileiro, que foi o maior naufrágio já registrado na nossa história.

Se não rolar um petisco à beira-mar… Faça um tour gastronômico pela cidade

Camarão (foto: flickr_karyn-christner)

Camarão (Imagem: Flickr/Karyn Christner)

Da culinária local a sabores de fora, em Ilhabela “chovem” opções de restaurantes. No sul, o Nova Iorqui une os segredos da cozinha caiçara à sofisticação do estilo mediterrâneo em pratos servidos em um restaurante com vista privilegiada. No norte, o Viana Restaurante transforma ingredientes das cozinhas brasileira e internacional em uma alquimia de sabores da alta gastronomia, com destaque para a casquinha de camarão, a mais famosa da ilha. Na Praia do Perequê, o premiado Famiglia Manzoli serve prato italiano regado a bom vinho, numa cantina que é um pedaço da Itália na ilha. Lugares incríveis que, mais do que uma refeição, oferecem uma experiência.

Um programa que mostra que, debaixo de guarda-sol ou de guarda-chuva, em Ilhabela não tem tempo ruim.

Nenhum comentário até o momento.

Seja o primeiro a comentar.

aqui da pra colocar mais informações